Voltar

Ministério da Cultura e Instituto CCR apresentam Festival Domingos Clássicos

14.09.2018 | Cultura e Esporte

O Rio de Janeiro recebe a partir de setembro o Festival Domingos Clássicos que vai reunir na Sala Baden Powell – Casa da Bossa, em Copacabana, uma sequência de 16 espetáculos de música clássica com intérpretes, artistas de diferentes orientações musicais e com diferentes organizações instrumentais e/ou vocais. O Festival, com a curadoria da pianista Fernanda Chaves Canaud, é um espaço aberto para novos compositores contemporâneos, bem como para grupos de câmara nacionais e estrangeiros, orquestras, coros, minióperas e solistas da música de concerto, sempre com cunho didático e de formação de plateia para todas as idades.  A iniciativa é apresentada pelo Ministério da Cultura e Instituto CCR, por meio da Lei Rouanet.

Os concertos semanais nas tardes de domingo têm como objetivo proporcionar uma experiência ímpar para o público, que nem sempre conta com possibilidade de acesso à música clássica tocada ao vivo. E a oportunidade de um contato estreito com os músicos. 

No domingo dia 16, às 15h, a apresentação será do Coral Infantil da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com regência de Maria José Chevitarese e piano de Claudia Feitosa.

Criado em 1989 pela maestrina Maria José Chevitarese o Coral Infantil da Universidade Federal do Rio de Janeiro é hoje um grupo consolidado, que se apresentou junto com as principais orquestras brasileiras. O grupo que possui mais de 500 apresentações em seu curriculum já foi regido por maestros brasileiros e estrangeiros, dentre eles Isaac Karabtchevsky, Roberto Minczuk, Jamil Maluf, Roberto Duarte, Henrique Morelenbaum, entre outros. O grupo tem participado de todas as montagens do Theatro Municipal do Rio de Janeiro que tem a participação de coro infantil desde 1994. Faz parte de seu currículo as óperas Tourandot, La Bohème e Tosca de Puccini, Carmem de Bizet, Hansel und Gretel de Engelbert Humperdinck, Mefistófoles de Arrigo Boito, Flauta Mágica de Mozart, Macbeth de Verdi, Billy Budd de Benjamin Britten (estréia no Brasil), Mefistófoles de Arigó Boito e O Menino Maluquinho de Ernani Aguiar, além das obras sinfônicas Mandu Çarará e Magnificat Alleluia de Villa-Lobos, cantata O Menino Maluquinho de Ernani Aguiar, Carmina Burana de Carl Orff, 3ª Sinfonia de Mahler, Te Deum de Berlioz e On the Transfigurations of Souls de John Adams, Magdalena de Villa-Lobos, War Requiem de Britten e O Pequeno Príncipe, com música e regência de Glauco Fernandes, obras realizadas dentro da programação oficial do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.
A Sala Baden Powell, onde acontece o Festival, disponibiliza a venda antecipada dos ingressos a preços populares (20% ingressos para o público em geral) e cobra valores convidativos na bilheteria da sala (50% dos ingressos por meio da bilheteria do teatro).

Acessibilidade

Quanto à acessibilidade física, a sala Baden Powell dispõe de elevador de acesso do 1º piso à sala e atende aos critérios de acessibilidade para facilitação de livre acesso a cadeirantes e pessoas idosas, oriundos de programas especiais de incentivo à cultura.


Democratização de Acesso

Para fins de formação de plateia aos alunos de escolas públicas de música e de Ongs parceiras da sala Baden Powell, será feita a divulgação dos concertos para o público interessado, na imprensa e nas mídias sociais, além de articular com as escolas de música para disponibilização de, no mínimo, 5% dos ingressos para seus alunos, em caso de lotação de sala. De acordo com a IN no.5 art 20 do MINC, acontecerá a distribuição gratuita dos ingressos para os alunos de escolas públicas de música e para ONGs locais para os assentos vagos e restantes, até 10 minutos antes da apresentação, mediante comprovação.

Serviço:

Festival Domingos Clássicos
Coral Infantil da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Sala Baden Powell
Av. Nossa Sra. de Copacabana, 360 - Copacabana, Rio de Janeiro

Data
Domingo, 16 de setembro, às 15h

Ingressos
R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação
Livre