Voltar

Caminhos para a Cidadania

20.12.2018 | Educação e Cidadania

Desde 2002, o programa Caminhos para a Cidadania atua em diversos municípios de São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro com a proposta de disseminar segurança no trânsito, mobilidade urbana e cidadania. Coordenada  pelo Instituto CCR, a iniciativa oferece uma abordagem didática e pedagógica, contribuindo para uma comunidade mais consciente, preservando vidas e formando jovens cidadãos.
Em 2018, o programa Caminhos para a Cidadania teve um significado especial para uma escola de Santa Izabel, em São Paulo.  Elisangela Queluz, coordenadora pedagógica, conta que o programa inseriu novas práticas na rotina da sala de aula, visando à abordagem da teoria da Aprendizagem Significativa (uma concepção do pesquisador norte-americano David Paul Ausubel, contemplando também a vertente das Aprendizagens Múltiplas proposta por Gardner).
De acordo com Elisangela, o programa contribuiu para a interação dos professores e gerou uma reflexão sobre como é importante usar a tecnologia em sala de aula. Além de ser interativa, ela auxilia no entendimento do aluno, garantindo uma aprendizagem mais significativa.
“A proposta das produções escritas e do desenho também cumpriram um papel importantíssimo na escola. Afinal, é preciso que a instituição educacional desenvolva a competência leitora e escritora dos estudantes, formando cidadãos críticos, participativos, éticos e solidários. Queremos que eles sejam capazes de respeitar o próximo e o local em que vivem e que tenham consciência da importância de agir com segurança no trânsito. O programa Caminhos para a Cidadania tem nos ajudado nesse sentido”, afirma a coordenadora pedagógica.

Você sabia?
Desde seu início, o programa já atendeu mais de 3,2 milhões de alunos, cerca de 120 mil educadores e duas mil escolas em 114 municípios. Saiba mais: http://www.caminhosparaacidadania.com.br/o-programa/apresentacao.

Caminhos para a Cidadania Caminhos para a Cidadania
Autor: Divulgação