Voltar

Instituto CCR apoia o movimento Outubro Rosa

28.09.2017 | Saúde e Qualidade de Vida

Contribuir para o desenvolvimento sustentável das comunidades nas regiões de atuação das empresas do Grupo CCR é a missão do Instituto CCR e, entre suas iniciativas, está a promoção da qualidade de vida e da saúde. Por isso, mais uma vez, o instituto apoia o movimento internacional Outubro Rosa, pela conscientização sobre o câncer de mama com foco na prevenção da doença. Ao longo de todo o mês, usuários dos serviços das concessionárias do Grupo poderão receber folhetos sobre o tema em praças de pedágio e ver mensagens em painéis eletrônicos de rodovias e estações e ainda nas redes sociais e sites da CCR e do Instituto CCR, além dos portais das unidades de negócio.
“O apoio ao movimento Outubro Rosa já faz parte do cronograma anual do Instituto CCR, que, mais uma vez, incentiva as unidades de negócio do Grupo CCR a abraçarem essa causa. Saúde e a Qualidade de Vida compõem um dos pilares da base de atuação do Instituto CCR e esse engajamento, portanto, é totalmente alinhado aos nossos objetivos”, destaca a gestora do Instituto CCR, Marina Mattaraia.
Participarão das ações as concessionárias CCR AutoBAn, CCR Barcas, CCR Metrô Bahia, CCR MSVia, CCR NovaDutra, CCR RodoNorte, CCR SPVias, CCR ViaLagos, CCR ViaOeste, CCR RodoAnel e ainda ViaQuatro e Renovias – empresas das quais a CCR é acionista. Além das mensagens externas, as empresas trabalham junto a seu público interno, convidando os colaboradores a usar alguma peça rosa por um dia e divulgando informações de conscientização por meio de comunicação interna. A CCR SPVias, por exemplo, já engajou alguns de seus  colaboradores de sua sede, que vestiram o rosa recentemente. Colaboradores da CCR AutoBAn também já estão participando, usando laços ou peças de roupa e rosa, a exemplo dos da praça de pedágio de Caieiras.

Mais sobre o movimento e a doença
O movimento conhecido como Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações sobre a doença e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce.
As mulheres com idade a partir dos 40 anos devem procurar o médico regularmente para fazer o exame de mamografia, além de realizar o autoexame. De acordo com informações do INCA, Instituto Nacional de Câncer, o câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma. Responde por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. O câncer de mama também acomete homens, porém, representa apenas 1% do total de casos da doença.
“Os primeiros passos para uma vida saudável são adotar hábitos saudáveis e desenvolver um comportamento preventivo. Os cânceres de mama e colo de útero são muito prevalentes, mas podem ser evitados com a correta prevenção e acompanhamento”, ressalta o Dr. José Antonio Coelho Júnior, médico cirurgião-geral e coordenador de qualidade de vida da CCR.


Autor: CCR SPVias